Final do Projeto

Este post não tem tags.

Compartilhe:

Um projeto, em geral, possui uma duração determinada. Na realidade, um projeto pode ser encerrado por diversas razões, dependendo do contexto: o tempo de contrato expirou, valor suficiente foi entregue para os clientes do projeto e o contrato permite que o projeto seja interrompido, o orçamento do projeto acabou ou o contrato foi cancelado, entre outras.

No momento em que o projeto passa a ser considerado terminado, espera-se que as necessidades ou objetivos de negócios de maior importância já tenham sido entregues. O projeto terá sido bem-sucedido se, por meio de suas entregas frequentes, a Visão do Produto tiver sido alcançada.

Após um término normal de projeto, é geralmente necessária sua manutenção, em uma fase que podemos chamar de “pós-jogo”. Embora não haja fórmula definida para esse trabalho, sabe-se que o uso de Scrum, por suas características, não costuma ser a melhor opção para esse trabalho. Métodos orientados a pedidos ou tickets como o Kanban, criado por David Anderson, são geralmente mais apropriados para essa fase do projeto.

Sobre o autor(a)

Função não encontrada

No headers found for the table of contents.

Artigos relacionados

Após terminar de ler o livro Ruído de Daniel Kahneman, decidi reler alguns clássicos que não olhava há algum tempo. Dentre eles, Rápido e Devagar do mesmo autor e Pensando em Sistemas de Daniela Meadows. Não pude deixar de perceber…

O Guia do Scrum fala sobre o refinamento do Product Backlog: “O Product Backlog é refinado conforme necessário” (p. 9). Todavia ele não descreve exatamente o que é o refinamento. Uma reunião, uma atividade, um processo. Neste artigo vamos jogar…

Marcos Garrido, Sócio-fundador e Trainer na K21

Existem muitas formas de organizar as métricas de seu produto / empresa. Aqui neste blog já escrevemos sobre as Métricas do Pirata, Fit For Purpose (F4P) e Métricas nas Quatro Áreas de Domínio da Agilidade. Todavia, agora, queremos falar sobre…

Após alguns anos desenvolvendo produtos e ajudando outras empresas a fazer tal, gostaria de listar com vocês alguns erros comuns que percebi ao longo dessa jornada. Olhando para as 4 Áreas de Domínio da Agilidade (Negócio, Cultural, Organizacional e Técnica)…