A famosa “retrospectiva de final de ano”

Marcos Garrido, Sócio-fundador e Trainer na K21

Este post não tem tags.

Compartilhe:

A famosa "retrospectiva de final de ano" 1

Mais um ano se passou, e como sempre acontece, as pessoas começam a criar seus planos para o novo ano. Nessa época é muito comum ver amigos e familiares discutindo o que foi bom e o que foi ruim e a partir daí criam-se as famosas resoluções de ano novo. São famosas não pelo conteúdo, mas pelo simples fato de que nunca são cumpridas.

Se você esperou o ano inteiro para avaliar onde errou e onde acertou, atenção: seu sprint está longo demais

Postei essa frase no meu Facebook e as pessoas concordaram comigo. Sim, faz muito sentido: por que nossas metas são tão de longo prazo assim? Metas assim são vagas demais, difíceis de alcançar e frequentemente caem no esquecimento.

Que tal então ter ciclos mais curtos, assim como fazemos com os métodos Ágeis? Retrospectiva não é para fazer apenas uma vez ao ano! Faça retrospectivas trimestrais, mensais, quinzenais ou mesmo semanais. Escolha o que for melhor para você, mas não se esqueça: quanto mais frequente, melhor!

Sobre o autor(a)

Co-fundador, Consultor na Nower e Trainer na K21

Marcos Garrido, co-fundador da K21, é Certified Enterprise Coach (CEC), Certified Scrum Trainer (CST) e Certified Team Coach (CTC), fazendo parte do seleto grupo no mundo que possuem as três certificações mais importantes da Scrum Alliance. Com grande atuação internacional, possui larga experiência em Transformação Digital e Gestão de Produtos.

No headers found for the table of contents.

Artigos relacionados

Após terminar de ler o livro Ruído de Daniel Kahneman, decidi reler alguns clássicos que não olhava há algum tempo. Dentre eles, Rápido e Devagar do mesmo autor e Pensando em Sistemas de Daniela Meadows. Não pude deixar de perceber…

O Guia do Scrum fala sobre o refinamento do Product Backlog: “O Product Backlog é refinado conforme necessário” (p. 9). Todavia ele não descreve exatamente o que é o refinamento. Uma reunião, uma atividade, um processo. Neste artigo vamos jogar…

Marcos Garrido, Sócio-fundador e Trainer na K21

Existem muitas formas de organizar as métricas de seu produto / empresa. Aqui neste blog já escrevemos sobre as Métricas do Pirata, Fit For Purpose (F4P) e Métricas nas Quatro Áreas de Domínio da Agilidade. Todavia, agora, queremos falar sobre…

Após alguns anos desenvolvendo produtos e ajudando outras empresas a fazer tal, gostaria de listar com vocês alguns erros comuns que percebi ao longo dessa jornada. Olhando para as 4 Áreas de Domínio da Agilidade (Negócio, Cultural, Organizacional e Técnica)…