Retrospectiva do Circuito Elétrico

Este post não tem tags.

Compartilhe:

Vamos melhorar nosso trabalho! Como vamos fazer isso? A retrospectiva do Circuito Elétrico facilita o brainstorming de melhorias.

Preparação

Comece desenhando um circuito elétrico. Ele será composto por:

Lâmpada: ideias que temos que melhorarão nosso trabalho (processo, produto, ambiente, etc.)

Resistência: as resistências (desafios, problemas) que impedem as ideias de funcionar.

Pilha: ações que energizam nosso sistema e nos fazem superar a resistência e ligarmos nossas ideias.

Circuito Elétrico

A Lâmpada

Peça para as pessoas escreverem as ideias em post-its e colá-los próximos à lâmpada. As pessoas terão 5 minutos para escrever os post-its. Agrupe as ideias semelhantes e peça para alguém as ler.

A Resistência

Agora que todos conhecem as ideias, peça para que as pessoas pensem nos desafios que enfrentarão para que a ideia funcione. Nessa etapa as pessoas também terão 5 minutos para escrever os post-its. Mais uma vez, agrupe os problemas semelhantes e peça para que outra pessoa os leia.

A Pilha

Todos conhecem as ideias e as resistências? Está na hora de criar ações. Separe o time em duplas ou trios de modo que você não tenha um excesso de ações no quadro. Cinco ou seis ações no máximo.

Cada grupo escreverá somente a ação que acha ser a mais relevante. Ao colocar a sua ação na pilha, o grupo deverá ler aquelas que já estão na pilha e priorizar das mais importantes (polo positivo) para as menos importantes (polo negativo).

Antes que alguém pergunte: Sim, eles podem mover as ações dos outros para baixo. Sim, o último terá a vantagem de ninguém mover as ações dele. Não se preocupe, pois essa é só uma priorização inicial para ganharmos tempo.

Finalizando o Circuito Elétrico

Verifique com o time inteiro se a pilha está priorizada da melhor forma. Se necessário, repriorize de acordo com o debate.

Agora que temos as ações priorizadas, termine pedindo que as pessoas se voluntariem para executá-las fechando assim o circuito. É fundamental que as ações mais prioritárias tenham uma pessoa responsável por executá-la.

Curtiu esta retrô? Confira também o Retrô Poker e muito mais sobre Facilitação 😉

Sobre o autor(a)

Trainer na K21

Avelino Ferreira é formado e mestre em Ciência da Computação. Teve uma longa trajetória na TI, começando como programador e chegando a gestor de diversos times de criação de produtos digitais. Conheceu e começou a adotar as melhores prática de de Métodos Ágeis em 2008. Desde então, se dedica a auxiliar outras empresas na construção da cultura ágil. Atualmente, é Consultor e Trainer na K21

Artigos relacionados

O Guia do Scrum fala sobre o refinamento do Product Backlog: “O Product Backlog é refinado conforme necessário” (p. 9). Todavia ele não descreve exatamente o que é o refinamento. Uma reunião, uma atividade, um processo. Neste artigo vamos jogar…

Marcos Garrido, Sócio-fundador e Trainer na K21

Existem muitas formas de organizar as métricas de seu produto / empresa. Aqui neste blog já escrevemos sobre as Métricas do Pirata, Fit For Purpose (F4P) e Métricas nas Quatro Áreas de Domínio da Agilidade. Todavia, agora, queremos falar sobre…

Após alguns anos desenvolvendo produtos e ajudando outras empresas a fazer tal, gostaria de listar com vocês alguns erros comuns que percebi ao longo dessa jornada. Olhando para as 4 Áreas de Domínio da Agilidade (Negócio, Cultural, Organizacional e Técnica)…

Uma das principais habilidades que desenvolvemos enquanto consultores é a de fazer boas perguntas. Uma vez que as pessoas percebem o poder que tem uma boa pergunta, colocada ali na hora certa e que muda o destino de uma reunião,…