Demissões em massa: como dar a volta por cima após ser atingido por um layoff?

Este post não tem tags.

Compartilhe:

Demissões em massa, também conhecidas como layoff, chamaram atenção no último ano, quando milhares de profissionais que acreditavam estar seguros em seus cargos perderam seus empregos.

Segundo o site de rastreamento Layoffs.fyi, só a área de tecnologia acumulou mais de 150 mil demissões em 2022 e já passa de 200 mil demissões nos primeiros 5 meses de 2023.

Ouça este artigo!

Apesar de ser um momento complexo para os que buscam novas oportunidades, é importante saber que os recrutadores enxergam os profissionais vítimas de demissões em massa com olhos distintos daqueles que foram cortados por falha de performance ou de comportamento.

Entretanto, com um mercado saturado de profissionais buscando a recolocação, também é necessário ter proatividade e foco para conquistar uma boa posição novamente. Se você foi atingido pelas demissões em massa, reunimos 5 dicas que podem te ajudar a dar a volta por cima.

Como dar a volta por cima e conquistar a recolocação profissional após o layoff?

1. Cuide da sua saúde física e mental

Em uma entrevista para o portal UOL, a psicanalista Camila Morais afirmou que “em uma situação de perda de emprego, há um processo de luto”. Esse acontecimento pode provocar emoções como culpa, medo, injustiça, vergonha e tristeza. 

Por isso, é importante dar-se tempo para cuidar do seu corpo e da sua mente após essa experiência traumática. Esses momentos de cuidado também te ajudarão a trabalhar o foco e a confiança – soft skills importantes durante processos seletivos e entrevistas de emprego.

2. Atualizar o perfil no LinkedIn

Para conquistar uma nova colocação após demissões em massa, é necessário ter as ferramentas corretas para te apoiar neste processo. E uma delas é o seu perfil no LinkedIn!

Um estudo divulgado pela Statistic Brain, mostrou que, aproximadamente, 122 milhões de pessoas conseguiram uma entrevista através do LinkedIn e 35,5 milhões foram contratadas por um contato realizado na plataforma.

Por isso, ao atualizar seu perfil, é importante:

  • atualize seu perfil com uma foto profissional, nítida e amigável que transmita uma imagem profissional. Evite fotos com fundo descontraído, selfies ou imagens muito antigas
  • reescreva seu resumo destacando suas principais habilidades, experiências e conquistas relevantes
  • use palavras-chave relacionadas à sua área de atuação para tornar seu perfil mais fácil de ser encontrado
  • inclua suas experiências profissionais mais recentes, descrevendo suas responsabilidades e realizações de forma clara e concisa
  • adicione habilidades relevantes e atualizadas ao seu perfil e considere solicitar recomendações de colegas de trabalho ou supervisores para validar suas habilidades
  • crie uma URL personalizada para seu perfil do LinkedIn, utilizando seu nome ou uma variação dele para facilitar o compartilhamento do seu perfil e ajudar nos resultados de pesquisa

3. Reativar contatos antigos e buscar novas conexões

Professores universitários, ex-gestores e colegas de profissão são apenas algumas das pessoas cujas quais você pode entrar em contato em busca de uma nova colocação. Isso porque o networking é uma parte importante desse processo e pode abrir portas para oportunidades profissionais.

Também é válido criar conexões com profissionais da sua área de atuação a fim de maximizar suas chances de recolocação. Desde buscar eventos relacionados à sua profissão até comentar em postagens de outras pessoas no LinkedIn, use esse momento para construir relacionamentos.

4. Invista em uma especialização na sua área

Se você possui condições financeiras para fazer um investimento na sua carreira, uma especialização dentro da sua área de atuação pode ser uma ótima ideia. 

Ao usar o tempo livre para conquistar certificações voltadas para gestão, por exemplo, seu currículo ganha um diferencial que pode ajudar na busca de uma recolocação profissional.

Na K21, por exemplo, temos formações voltadas para:

Com esse investimento, seu currículo ganha um diferencial de destaque em um mercado tão disputado.

5. Estude novas áreas para realizar uma transição de carreira

Esse também pode ser o momento ideal para buscar novos desafios profissionais por meio de uma transição de carreira – e a K21 também pode te ajudar nessa mudança. 

Se você se interessa pelo framework Scrum, pensa em tornar um Agile Coach e acredita que teria mais satisfação profissional construindo times de alta performance, o nosso curso Certified ScrumMaster® (CSM) é uma ótima opção.

Já o curso Product Essentials é o primeiro passo que você precisa para conquistar uma posição na área de produtos. Esta jornada de aulas gravadas, desafios e ajuda de mentores foi pensada para pessoas em transição de carreira – ou seja, é um ótimo investimento.

Conheça nossos cursos e coloque seus planos em ação com muito mais segurança e tranquilidade.

Sobre o autor(a)

Função não encontrada

Artigos relacionados

Uma das principais habilidades que desenvolvemos enquanto consultores é a de fazer boas perguntas. Uma vez que as pessoas percebem o poder que tem uma boa pergunta, colocada ali na hora certa e que muda o destino de uma reunião,…

Há cerca de uma semana um estudo com um título bombástico tomou conta da web: “268% dos projetos que passaram a utilizar Métodos Ágeis pioraram e 56% passaram a falhar”, dizia o título. E ao ler o conteúdo, pareceu que…

A polêmica da semana é sobre o suspeitíssimo “estudo” afirmando que projetos com Agilidade teriam 268% mais chance de falhar.  Muito rapidamente os cavaleiros do apocalipse já se apropriaram do conteúdo para poder dizer que já sabiam! Claro que esse…

Oi time! Vamos conversar rapidinho sobre como podemos fazer nossas reuniões renderem mais sem deixar ninguém na corda bamba com a agenda lotada. Aqui vão algumas dicas pra gente manter o equilíbrio: A) Marcando as reuniões: 1) Checagem de Disponibilidade:…